Anywhere Operations: o futuro da TI remota

Anywhere operations - o futuro da TI remota
TOPdesk Brasil

TOPdesk Brasil

Quase um ano após a mudança em massa para o trabalho remoto, muitos de nós estão se perguntando: “Para onde vamos a partir daqui?”. Em vez de se concentrar em um plano de retorno ao trabalho, os diretores de operações (COOs) com visão de futuro estão agora colaborando com outras unidades de negócios para criar um modelo sustentável de “anywhere operations” — e por um bom motivo.

O Gartner definiu a nova era do trabalho como a “everywhere enterprise” — ou, em tradução livre, “empresa em todos os lugares” —, que descreve uma empresa que usa tecnologia, estruturas de equipe, processos, habilidades e ferramentas para capacitar uma força de trabalho dispersa, aproveitar uma infraestrutura distribuída e servir a uma base de clientes onipresente.

Em outras palavras, anywhere operations é um conceito que está moldando o futuro do trabalho e da TI remota, e é sobre ele que falaremos neste artigo. Acompanhe!

O modelo anywhere operations

De um modo geral, as operações em qualquer lugar abrangem um paradigma organizacional que permite suporte ao cliente, ativação de funcionários independentemente da localização geográfica e implantação de produtos/serviços onde quer que seja.

Mas, na prática, as operações em qualquer lugar são muito mais do que apenas possibilitar o trabalho em casa, o suporte virtual ao cliente ou a implantação remota de produtos/serviços. Ele se concentra em fornecer:

 

  • colaboração e produtividade;
  • acesso remoto seguro;
  • nuvem e infraestrutura de ponta;
  • quantificação da experiência digital;
  • automação para suportar operações remotas.
 

Com esse modelo, uma experiência virtual e física combinada é criada para funcionários e clientes. No geral, é um sistema integrado que se concentra nos clientes e funcionários, garantindo a acessibilidade das empresas de qualquer lugar do globo.

De acordo com um relatório recente publicado pelo Gartner, até o final de 2023, cerca de 40% das empresas terão implementado operações em qualquer lugar para fornecer uma experiência otimizada entre seus funcionários e consumidores.

É essencial entender que as operações em qualquer lugar e o trabalho remoto não são iguais. Operações em qualquer lugar é um conceito amplo e estratégico dentro do paradigma de transformação de negócios digitais, e o trabalho remoto é simplesmente uma tática que se tornou parte da estratégia de AO. Junto ao trabalho remoto, as operações em qualquer lugar implicam confiança em tecnologias de nuvem, ferramentas de colaboração e automação.

A importância de preparar a empresa para operar em qualquer lugar

Segundo o relatório da Google “O Futuro do Trabalho no Brasil”, 44% das empresas já adotam o modelo híbrido — uma parte remota e outra presencial — como o principal formato de trabalho. É nesse contexto que o modelo de operações em qualquer lugar apresenta muitas vantagens para as empresas. Vamos falar sobre algumas delas.

Capacitando colaboradores

Ele traz muita flexibilidade para os funcionários, permitindo que eles tenham maior controle sobre sua agenda e sejam seus próprios tomadores de decisão.

Implantação automatizada

Você pode implementar facilmente produtos e serviços para seus clientes que estão localizados em qualquer lugar.

Acesso remoto seguro

Com o acesso remoto, você pode facilmente solucionar problemas de dispositivos e resolvê-los rapidamente, mesmo se esses dispositivos estiverem do outro lado do globo.

Custo-efetividade

Com um modelo que confia mais na nuvem e menos no hardware local, despesas como custo de investimento inicial e manutenção da infraestrutura física são significativamente reduzidas

MAIOR PRODUTIVIDADE E EFICÁCIA

Com implementações como acesso remoto junto com o acesso de qualquer lugar a qualquer hora aos recursos de negócios aumenta a colaboração, bem como a produtividade.

Os impactos no setor de Tecnologia da Informação

Normalmente, os gestores de TI reservam certos ativos para continuidade de negócios e recuperação de desastres. As equipes de TI então dedicam tempo e esforço para aumentar esses recursos periodicamente e manter a viabilidade.

O anywhere operations elimina esse esforço extra, garantindo que as equipes de operações de TI não dependam de apenas um servidor, rede única ou firewall. Em vez disso, por meio de configurações automatizadas, todos os recursos estão em operação contínua, acessíveis a qualquer usuário legítimo de qualquer lugar.

Por meio do provisionamento zero-touch, os administradores podem eliminar os procedimentos manuais e automatizar as distribuições e configurações dos dispositivos. Isso é importante à medida que as infraestruturas de ponta se expandem e as implantações se tornam mais complexas.

Para enfatizar essa tendência, uma pesquisa da Accenture descobriu que 63% das empresas de alto crescimento adotaram um modelo de força de trabalho de “produtividade em qualquer lugar”. Abordagens zero-touch permitem que as equipes de TI acelerem as trocas de dispositivos com funcionários remotos e simplifiquem o provisionamento de carga de trabalho para oferecer suporte a clientes e funcionários dispersos geograficamente.

Posicionado para atender à demanda por operações contínuas de consumidores e funcionários, o AO fornece uma base para serviços de TI mais aprimorados e facilita a reestruturação dos processos de negócios. Além de automação, suporte remoto de TI e segurança cibernética, ele expande as possibilidades de contratação e permite que as organizações recrutem de qualquer lugar — a localização geográfica não limita mais as capacidades operacionais de um funcionário de TI.

Confiando na automação

A automação das operações da empresa geralmente resulta na redução de custos e no aumento da qualidade das tarefas manuais. No entanto, as operações em qualquer lugar exigem resultados ainda mais rápidos.

Nesse sentido, vale destacar a hiperautomação. Uma combinação robusta de ferramentas de IA com RPA, a hiperautomação mostra as interações nunca vistas anteriormente entre processos, funções e indicadores-chave de desempenho. Ajuda a automatizar fluxos de trabalho inteiros, não apenas tarefas específicas.

A ascensão da tendência de hiperautomação, no entanto, apresenta desafios específicos. Ou seja, as empresas agora têm que decidir sobre a extensão da automação: onde traçar limites entre tarefas automatizadas por IA e tarefas assistidas por IA. Em busca de consistência e produtividade, as empresas correm o risco de perder valor por trás de suas operações. Ao equilibrar a automação com as necessidades das pessoas, a digitalização orientada por humanos deve ser a estratégia certa para apoiar as operações em qualquer lugar.

Concluindo, anywhere operations é uma abordagem integrada, não apenas um conjunto de práticas e ferramentas individuais para permitir o trabalho remoto. Implica a transformação digital dos processos em componentes críticos de TI e negócios. É por isso que as soluções de service desk estão desempenhando um papel importante na adoção desse modelo. Elas atuam como um hub para todos os ativos de hardware e software, bem como quaisquer soluções, permitindo facilmente recuperação de informações, avaliação de ativos, configuração e manutenção.

 

Apoio para Anywhere Operations

Quer apoio tecnológico para iniciar sua estratégia de anywhere operations? Faça um teste gratuito do TOPdesk e conheça uma ferramenta completa de ITSM, capaz de reunir seus serviços de TI em um único lugar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe este artigo!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on skype
Share on whatsapp

Compartilhe este artigo!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on skype
Share on whatsapp

Artigos Relacionados: